ANÁLISE DA TEMPERATURA DE SUPERFÍCIE E DO USO DA TERRA E COBERTURA VEGETAL NA BACIA BARRA DOS COQUEIROS (GOIÁS)

  • Clarissa Cardoso Pereira
  • Zilda de Fátima Mariano
  • Flávio Wachholz
  • João Batista Pereira Cabral

Resumo

O sensoriamento remoto tem proporcionado o estudo climático a partir do uso de imagens termais de
satélites meteorológicos para o mapeamento da temperatura de superfície. A análise da temperatura de
superfície em diferentes usos da terra e a cobertura vegetal pode fornece subsídio para a gestão e
planejamento ambiental, como é o caso da bacia Barra dos Coqueiros (GO), que é uma região que
possui grande exploração dos recursos naturais, principalmente no que se refere ao uso do solo. O
objetivo do trabalho foi analisar a temperatura de superfície e o uso da terra e cobertura vegetal na
bacia hidrográfica Barra dos Coqueiros. Utilizou-se para o mapeamento da temperatura superficial
terrestre o programa Spring e Arcgis com as bandas 3, 4, 5 e 6 do Landsat 5, dia 20 de agosto de 2010.
A equação de Malaret (1985) citada por Tarifa; Armani (2000) foi utilizada na conversão dos pixels
em valores em temperatura. A temperatura superficial terrestre foi comparada com temperaturas do ar
distribuídas em pontos dentro da bacia. Verificou-se que na bacia a temperatura superficial terrestre
variou entre 12,0 e 41,4°C, onde área recoberta por pastagens as temperaturas variaram entre 18,8 a
31,1°C e as áreas de solo exposto apresentaram os maiores valores (36,4 a 41,4°C).

Publicado
2012-10-06
Como Citar
Cardoso Pereira, C., Fátima Mariano, Z. de, Wachholz, F., & Pereira Cabral, J. B. (2012). ANÁLISE DA TEMPERATURA DE SUPERFÍCIE E DO USO DA TERRA E COBERTURA VEGETAL NA BACIA BARRA DOS COQUEIROS (GOIÁS). REVISTA GEONORTE, 3(9), 1243 -. Recuperado de https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/2576