ESTÁGIO DE INTEMPERISMO NA SUPERFÍCIE INTERPLANÁLTICA DE CLEVELÂNDIA, PLANALTO DAS ARAUCÁRIAS (SUL DO BRASIL)

  • M.E. Pontelli,
  • E.C. Bertuol,
  • B.K. Almeida,
Palavras-chave: Geomorfologia

Resumo

A cobertura superficial do topo de vertente convexa na superfície interplanáltica de Clevelândia mostra-se com perfil de intemperismo superior a 710 cm de profundidade. O pedon apresenta espessura de 450 cm de espessura e características de Latossolo Vermelho Distroférrico, caráter alumínico. A alterita exposta na seção é superior a 250 cm de espessura. Os resultados mostram estágio mais avançado do intemperismo nos horizontes superficiais do que na alterita, com características pedogeoquímicas ferruginosas, transição entre fersialítico e ferralítico.
Publicado
2014-01-07
Como Citar
Pontelli, M., Bertuol, E., & Almeida, B. (2014). ESTÁGIO DE INTEMPERISMO NA SUPERFÍCIE INTERPLANÁLTICA DE CLEVELÂNDIA, PLANALTO DAS ARAUCÁRIAS (SUL DO BRASIL). REVISTA GEONORTE, 5(17), 47 - 53. Recuperado de https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/1418