INTEGRAÇÃO DE PARÂMETROS GEOMORFOLÓGICOS E BIOLÓGICOS NO DESENVOLVIMENTO DE UMA NOVA PROPOSTA DE ÍNDICE DE SENSIBILIDADE DO LITORAL (ISL): ESTUDO DE CASO NA REGIÃO DO PARQUE ESTADUAL DE ITAPUÃ- RS.

  • C. Marinho,
  • J.L. Nicolodi,
Palavras-chave: Geomorfologia

Resumo

A metodologia oficial para determinar o Índice de Sensibilidade do Litoral (ISL) não considera aspectos biológicos em sua composição, o que subestima a sensibilidade costeira. Neste trabalho foi desenvolvido um novo método de classificação da costa a derramamentos de óleo, o qual foi aplicado em praias do Parque Estadual de Itapuã. Assim, as praias do Tigre e das Pombas tiveram suas sensibilidades aumentadas devido à presença de uma espécie endêmica e outra dependente da costa, respectivamente.
Publicado
2014-12-17
Como Citar
Marinho, C., & Nicolodi, J. (2014). INTEGRAÇÃO DE PARÂMETROS GEOMORFOLÓGICOS E BIOLÓGICOS NO DESENVOLVIMENTO DE UMA NOVA PROPOSTA DE ÍNDICE DE SENSIBILIDADE DO LITORAL (ISL): ESTUDO DE CASO NA REGIÃO DO PARQUE ESTADUAL DE ITAPUÃ- RS. REVISTA GEONORTE, 5(15), 100 - 104. Recuperado de https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/1336