NOVAS ABORDAGENS PARA A MELHORIA DO ENSINO DE QUÍMICA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO

Autores

  • Dalila Araujo Silva Universidade Federal do Amazonas - Instituto de Saúde e Biotecnologia (UFAM/ISB)
  • José Renato da Rocha Fernandes Universidade Federal do Amazonas - Instituto de Saúde e Biotecnologia (UFAM/ISB)
  • Ladislane Rodrigues de Brito Universidade Federal do Amazonas - Instituto de Saúde e Biotecnologia (UFAM/ISB)
  • Klenicy Kazumy de Lima Yamaguchi Universidade Federal do Amazonas - Instituto de Saúde e Biotecnologia (UFAM/ISB)

Palavras-chave:

Estratégias, Novas didáticas, Otimização do conhecimento

Resumo

Introdução: O Estágio Supervisionado é uma importante etapa na formação docente pois, proporciona a integração entre a teoria e a prática trazendo consigo a oportunidade da visão, tanto na perspectiva do aluno quanto na perspectiva do professor, auxiliando assim na elaboração de estratégias a serem adotadas por cada profissional. A complexidade em alguns temas da área da química muitas vezes torna as aulas desinteressantes aos alunos. Verifica-se que muitas metodologias abordadas no ensino médio contribuem para agravar esse fator. Novas propostas pedagógicas baseadas em estudos teóricos comprovam que mudanças, em muitos casos, são necessárias para facilitar na absorção do conhecimento.  Objetivo: Esse trabalho visa descrever as atividades realizadas durante o período de Estágio Supervisionado de Ensino III, em que se pôde vivenciar na prática as atividades docentes, abordando as turmas do 1º, 2º e 3º Ensino Médio na disciplina de Química, dando ênfase a novas didáticas de ensino aprendizagem. Método: O estágio supervisionado foi realizado na Escola Estadual Joao Vieira e contou com uma carga horaria 15 horas de observação e 20 horas de regência, realizada entre os dias 03 de setembro a 21 de outubro de 2019. Realizou-se uma análise qualitativa nas turmas, baseando-se nas observações, onde foi elaborada uma prática pedagógica diferenciada, relacionando a vida cotidiana dos discentes ao assunto ministrado em sala de aula, contextualizando o tema a curiosidades comuns na vida das pessoas, utilizando materiais alternativos na tentativa otimização do conhecimento. Resultado: Constatou-se que, na maioria dos casos, os efeitos foram positivos da experiência como docente, tendo em vista a melhoria nas notas da avaliação, assim como ao aumento da interatividade dos alunos no decorrer das aulas, além de relatos positivos sobre a metodologia aplicada que mostraram o quanto um determinado tipo de metodologia pode promover efeitos positivos, ou não, acerca da aprendizagem. Todas as atividades realizadas proporcionaram uma reflexão sobre a importância, do estágio e do papel do professor como um agente social. Desse modo, a preparação para as ações a serem realizadas nas turmas se torna algo primordial, ou seja, percebe-se que essência da profissão não pode ser adquirida com teorias explanadas em sala de aula, mas sim com a experiência por meio da vivência, lidando com desafios que servem de aprimoramento do conhecimento e moldam cada profissional de acordo com a sua personalidade. Conclusão: Por meio da experiência no Estágio Supervisionado pode-se vivenciar as dificuldades e pontos positivos da profissão docente, atuando de forma prática no ambiente escolar.

Downloads

Publicado

2020-10-26

Como Citar

SILVA, D. A.; FERNANDES, J. R. da R.; DE BRITO, L. R.; YAMAGUCHI, K. K. de L. NOVAS ABORDAGENS PARA A MELHORIA DO ENSINO DE QUÍMICA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE O ESTÁGIO SUPERVISIONADO. Revista Ensino, Saúde e Biotecnologia da Amazônia, [S. l.], v. 2, n. esp., p. 27, 2020. Disponível em: //periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/6555. Acesso em: 2 fev. 2023.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 > >>