O ensino destinado à infância na primeira escola de Vilhena-RO

reflexões sobre a cultura escolar

Autores

  • Josiane Brolo Universidade Federal de Rondônia - UNIR
  • Vera Lúcia Aquino Boing Santos Universidade Federal de Rondônia - UNIR
  • Jaqueline Souza Silva Universidade Federal de Rondônia - UNIR

DOI:

https://doi.org/10.29280/rappge.v8i1.12006

Palavras-chave:

Educação, Infância, Cultura Escolar

Resumo

Este estudo objetiva tecer algumas reflexões sobre o início do processo da institucionalização da educação destinada à infância na primeira escola da cidade de Vilhena/RO, durante as décadas de 1960 a 1980, com ênfase na produção da cultura escolar no interior da escola. A metodologia da pesquisa está ancorada nos pressupostos teóricos da Nova História Cultural (NHC) e como instrumentos de pesquisa utilizou-se das fontes documentais de arquivos públicos, fotografias publicadas em acervos públicos digitais e testemunhos orais. Como resultados é possível inferir que na instituição pesquisada o ensino destinado às crianças se limitava à escrita e à leitura e que a escola inculcava normas, princípios e valores nos alunos, a fim de discipliná-los, de forma a ajustá-los ao mundo do trabalho e a adequá-los ao modelo de sociedade que se pretendia construir – visando a ordem e o progresso nacional em consonância com o regime militar da época.

Biografia do Autor

Josiane Brolo, Universidade Federal de Rondônia - UNIR

Professora, pesquisadora e poeta. Doutora em Educação (2019) e Mestre em Educação (2012) pela Universidade Federal de Mato Grosso- PPGE/UFMT/Cuiabá. Realizou o Estágio Doutoral em Educação na Loyola University em Chicago, Estados Unidos (2017-2018), pelo Programa de Doutorado Sanduíche no Exterior (PDSE-CAPES). É graduada em Pedagogia pela Universidade do Estado de Mato Grosso - UNEMAT/Sinop e Graduada em Artes Visuais (Licenciatura). É professora Adjunta II da Universidade Federal de Rondônia - UNIR/ Campus de Vilhena, lotada no Departamento Acadêmico de Ciências da Educação, no curso de Pedagogia, Professora permanente do Programa de Pós-graduação em Educação Escolar - Mestrado e Doutorado Profissional - PPGEEProf/UNIR e professora colaboradora do Programa de Mestrado Acadêmico em Ensino de Ciências da Natureza - PGECN/UNIR. É Líder do Grupo de Pesquisa Infancionática, com dedicação às pesquisas sobre as culturas infantis e Linguagens das crianças; os processos de escutas sensíveis e as narrativas infantis; relações crianças, natureza e os espaços escolares.

Vera Lúcia Aquino Boing Santos, Universidade Federal de Rondônia - UNIR

Graduanda em Pedagogia da Universidade Federal de Rondônia (UNIR).

Jaqueline Souza Silva, Universidade Federal de Rondônia - UNIR

Graduanda em Pedagogia da Universidade Federal de Rondônia (UNIR)

Referências

ARAÚJO, Mairce da Silva. Cenas do cotidiano de uma escola pública: olhando a escola pelo avesso. In: GARCIA, R. L. (Org.). Método: pesquisa com o cotidiano. Rio de Janeiro: DP&A, 2003.

BRASIL, P. Vilhena conta sua História. Vilhena: Gráfica Delta, 2000.

BENITO, A. E. A escola como cultura: experiência, memória e arqueologia. Tradução: Heloísa Helena Pimenta Rocha, Vera Lucia da Silva. Campinas: Alínea, 2017.

BLOCH, M. L. B. Apologia da História, ou, O ofício de historiador. Tradução: André Telles. Rio de Janeiro/RJ: Zahar, 2001.

CAMBI, F. História da Pedagogia. São Paulo: UNESP, 1999.

CERTEAU, Michel de. A invenção do cotidiano: artes de fazer.v.1, 4a ed. Petrópolis: Editora Vozes. Tradução de Ephraim Ferreira Alves, 1998.

FARIA FILHO, L. M. Escolarização e cultura escolar no Brasil: reflexões em torno de alguns pressupostos e desafios. In: Bencostta, M. L. A. (Org). Culturas escolares, saberes e práticas educativas: itinerários históricos (p, 193-236). São Paulo: Cortez, 2007.

FOUCAULT, M. Vigiar e punir: História da violência nas prisões. São Paulo, 2002.

FREIRE, J. F. (2008). Um olhar sobre os estudos históricos do cotidiano. História e-História, v. v. 15, p. 1-12. Disponível em: http://www.historiaehistoria.com.br/materia.cfm?tb=alunos&id=142. Acesso em: 10 de abr. de 2022.

GOMES, Emmanoel. História e Geografia de Rondônia. Vilhena: Express Ltda, 2012.

JULIA, D. A cultura escolar como objeto Histórico. Trad. Gisele de Souza. In: Revista Brasileira de História da Educação. N. 1, Campinas: Autores Associados, 2001. p. 9- 43. Disponível em: http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/39195. Acesso em 20 de set. de 2020.

MARTINS, Helen, Arantes. Modos de Lembrar e Contar: Memórias de uma escola no município de Vilhena/RO. (1960-1980). PPGedu/UNEMAT, 2017. Dissertação de Mestrado.

MARTINS, Helen Arantes; ZÓIA, Alceu. Memórias (Auto)Biográficas de Infâncias: os Vestígios da escolarização no município de Vilhena/RO (1960-1980). Revista Brasileira de Pesquisa (Auto)Biográfica, Salvador, v. 03, n. 08, p. 672-685, maio/ago. 2018. Disponível em:https://www.researchgate.net/publication/328156101_Memorias_autobiograficas_de_infancias_os_vestigios_da_migracao_e_da_educacao_no_municipio_de_Vilhena-RO_1960-980. Acesso em 20 de set. de 2020.

ROHDEN, Josiane Brolo. A reinvenção da escola: história, memórias e práticas educativas no período colonizatório de Sinop–MT (1973-1979). Dissertação de Mestrado. UFMT: 2012.

ROHDEN, Josiane Brolo; TOMÉ, Cristinne Leus. O recreio no cotidiano escolar como atividade educativa: um estudo nas cidades de Sinop e Cláudia nas décadas de 1970 e 1980. Anais...Semiedu, UFMT, 2016.

SLUCKIN, A. Growing up in the playground. London: Routledge & Kegan Paul, 1981.

SOUZA, R. F. de. História da organização do trabalho escolar e do currículo no século XX: ensino primário e secundário no Brasil. São Paulo: Cortez, 2008.

THOMPSON, P. A voz do passado – História Oral. 2. ed. São Paulo: Paz e Terra, 1998.

VIDAL, D. G. (2005). Culturas escolares: estudo sobre práticas de leitura e escrita na escola pública primária (Brasil e França, final do século XIX). Campinas: Autores associados.

Publicado

2023-10-09

Como Citar

Brolo, J., Aquino Boing Santos, V. L., & Souza Silva, J. (2023). O ensino destinado à infância na primeira escola de Vilhena-RO: reflexões sobre a cultura escolar. Revista Amazônida: Revista Do Programa De Pós-Graduação Em Educação Da Universidade Federal Do Amazonas, 8(1), 1–16. https://doi.org/10.29280/rappge.v8i1.12006