MAPEAMENTO DE ÁREAS DE EROSÃO E ACREÇÃO NO RIO TOCANTINS: TRECHO COMPREENDIDO ENTRE SUA FOZ E A LOCALIDADE DE CAMETÁ/PA

Autores

  • Denise Marini Pereira

Palavras-chave:

Cartografia Geomorfológica, Sensoriamento Remoto, Rio Tocantins.

Resumo

A intervenção direta em canais fluviais, como a construção de hidrovias e/ou execução de projetos deocupação e conservação de áreas, exige a realização de estudos que abordem a cartografiageomorfológica em função da intensa dinâmica dos sistemas fluviais. Visando ao melhor ordenamentoe planejamento territorial, os mapeamentos de processos de erosão e de acreção verificam-seimportantes para avaliar as transformações geomorfológicas de ambientes fluviais. Dessa forma, estetrabalho objetivou o mapeamento de tais processos no trecho compreendido entre a foz do rioTocantins e a localidade de Cametá/PA, a partir do processamento e interpretação de imagens orbitais.Com os resultados obtidos, foi possível identificar alterações das margens fluviais.

Downloads

Publicado

2012-11-12

Como Citar

Marini Pereira, D. (2012). MAPEAMENTO DE ÁREAS DE EROSÃO E ACREÇÃO NO RIO TOCANTINS: TRECHO COMPREENDIDO ENTRE SUA FOZ E A LOCALIDADE DE CAMETÁ/PA. REVISTA GEONORTE, 3(5), 1573 –. Recuperado de //periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/2214