VARIAÇÃO ESPACIAL E TEMPORAL DA LARGURA DO CANAL DO RIBEIRÃO PINHALZINHO II, UMUARAMA, PR

  • O.C. Montanher,
  • E.E. Souza Filho,
  • M. Marques,
Palavras-chave: Geomorfologia

Resumo

Um estudo de caso em um ribeirão do município de Umuarama (Paraná) foi feito com base na interpretação de dados orbitais, a partir dos quais foram registradas mudanças na largura do canal em um período de sete anos. As mudanças na largura das seções transversais variaram entre -12,95 e 8 m/ano entre 2004 e 2010. Este trabalho mostra que a aquisição pontual de dados ao longo do perfil longitudinal não é recomendada para córregos que lidam com ajustes induzidos pelas áreas urbanas.
Publicado
2014-01-12
Como Citar
Montanher, O., Souza Filho, E., & Marques, M. (2014). VARIAÇÃO ESPACIAL E TEMPORAL DA LARGURA DO CANAL DO RIBEIRÃO PINHALZINHO II, UMUARAMA, PR. REVISTA GEONORTE, 5(20), 517 - 522. Recuperado de https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/1605