PRODUÇÃO DE SEDIMENTOS SUSPENSOS NA BACIA DO RIO PARAÍBA-PB

  • R.A. Xavier,
  • P.C. Dornellas,
  • J.S. Maciel,
  • J.C. do Bú,
Palavras-chave: Geomorfologia

Resumo

O objetivo deste trabalho foi caracterizar o regime hidrossedimentológico do Rio Paraíba. Foram utilizados dados disponíveis no site da ANA, e realizados tratamentos estatísticos. As maiores vazões foram nas décadas de 70 e 80, enquanto a de 90 apresentou baixos valores. A produção de sedimento suspenso no médio curso foi em média de 9,846 t/km².ano-1, enquanto no baixo foi de 1,765 t/km².ano-1. Estes dados confirmaram a forte influência dos açudes no regime hidrossedimentológico da bacia.
Publicado
2014-01-12
Como Citar
Xavier, R., Dornellas, P., Maciel, J., & do Bú, J. (2014). PRODUÇÃO DE SEDIMENTOS SUSPENSOS NA BACIA DO RIO PARAÍBA-PB. REVISTA GEONORTE, 5(20), 433 - 436. Recuperado de https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/1589