VARIABILIDADE DA PLUVIOSIDADE TEMPORAL E ESPACIAL NA BACIA DO RIO PIRAPÓ – PR

  • Maria Cleide Baldo
  • Elielton Rocha Dziubate
  • Diego Leonardo Arruda Galiani
Palavras-chave: Bacia do rio Pirapó, Pluviosidade, Paraná.

Resumo

A pesquisa teve como principal objetivo realizar uma análise temporal e espacial da pluviosidade na bacia do rio Pirapó-PR, na escala mensal, sazonal, anual e interanual com o intuito de detectar os padrões predominantes de distribuição pluvial. Foram utilizados os dados mensais de 8 postos pluviométricos de 1976 a 2010, obtidos junto ao (INSTITUTO DAS ÁGUAS DO PARANÁ - SIH). Os resultados mostraram uma grande variabilidade na distribuição da pluviosidade tanto anual quanto na escala interanual. A média anual de pluviosidade é de 1500mm, sendo que a jusante encontram-se os menores valores, 1300mm e a montante valores acima de 1600mm. Os meses mais chuvosos foram janeiro, dezembro e fevereiro, e os meses de julho e agosto foram os mais secos. Na análise espacial da distribuição da pluviosidade para o mês de janeiro foi observado um maior concentração na porção sudeste da bacia. A menor quantidade foi verificada no mês de agosto, ao norte da bacia. O verão seguido pela primavera foram os que apresentaram os maiores registros de pluviosidade e o inverno foi a estação mais seca do ano com 250 mm. No verão os maiores valores foram observados a sudeste da bacia, um total de 560 mm. Os anos mais chuvosos na área de estudo foram 1980, 1983, 1997, 1998 e 2009 e os anos mais secos foram 1978, 1985 e 1988.
Publicado
2012-10-06
Como Citar
Baldo, M. C., Rocha Dziubate, E., & Arruda Galiani, D. L. (2012). VARIABILIDADE DA PLUVIOSIDADE TEMPORAL E ESPACIAL NA BACIA DO RIO PIRAPÓ – PR. REVISTA GEONORTE, 3(9), 1159 -. Recuperado de https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/2571