“COMO ESTÁ O TEMPO HOJE?”. UMA EXPERIÊNCIA DE ENSINO DE CLIMATOLOGIA ESCOLAR NO ENSINO MÉDIO

  • Diego Corrêa Maia
  • Sandro Luís Fraga da Silva
  • Anderson Luis Hebling Christofoletti

Resumo

Este artigo é fruto de uma prática pedagógica sobre climatologia escolar, utilizando observação e discussão sobre a percepção do tempo atmosférico e suas repercussões espaciais. A leitura dos fenômenos atmosféricos no ambiente escolar carece de atividades de exercitem o desenvolvimento de didáticas que explorem sua dinâmica. O objetivo principal desta atividade foi discutir os conceitos tempo e clima, e também demostrar a importância da interpretação dos fenômenos atmosféricos e suas consequências para o ambiente local. Com o auxílio de uma “tabela do tempo”, os alunos observaram as variações do tempo atmosférico e anotaram, individualmente, a percepção dos elementos do clima e os fenômenos meteorológicos que se sucederam durante um mês. O resultado da prática superou as expectativas e demonstrou que a atividade atingiu seus objetivos, com destaque para a percepção dos educandos em relação à influência das condições atmosféricas no seu cotidiano, principalmente no ambiente escolar. As tabelas do tempo demonstraram distintas percepções dos elementos do clima pelos alunos, suscitando questões ligadas à Geografia e à valorização de temas ligados à climatologia no Ensino Médio.
Publicado
2012-10-06
Como Citar
Corrêa Maia, D., Fraga da Silva, S. L., & Christofoletti, A. L. H. (2012). “COMO ESTÁ O TEMPO HOJE?”. UMA EXPERIÊNCIA DE ENSINO DE CLIMATOLOGIA ESCOLAR NO ENSINO MÉDIO. REVISTA GEONORTE, 3(8), 1 - 8. Recuperado de https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/2258