MAPEAMENTO DO USO E ADEQUAÇÃO DO SOLO NO MUNICIPIO DE SÃO JOÃO DO TIGRE – PB COM O AUXÍLIO DE GEOTECNOLOGIAS

Autores

  • Shirley Coutinho Alves Rêgo
  • Maria Niedja Silva Lima
  • Thereza Rachel Rodrigues Monteiro
  • Bartolomeu Israel de Souza

Palavras-chave:

Uso do solo, Sistemas de Informações Geográficas e Sensoriamento Remoto

Resumo

A Geografia desde suas origem é conhecida por ser a única ciência capaz de abordar arelação existente entre homem e natureza, juntas ou separadamente no tempo e no espaço e diantedisso buscou analisar o resultado da interação entre a relação sociedade e natureza. Diante dasconstantes modificações causadas pela ação humana na natureza e a intensificação da degradação dapaisagem nos últimos anos, a geografia tem buscado auxilio em outras ciências e tecnologias paraentender os complexos processos de degradação do meio. Nesse sentido as geotecnologias estão sendocada vez mais utilizadas como ferramenta em diagnósticos ambientais, contribuindo nomonitoramento, recuperação e ações de planejamento e gestão de áreas em processo de degradaçãocomo é o caso do bioma da caatinga. Devido à falta no controle do uso do solo por órgãoscompetentes, a população vem habitando áreas inadequadas e muitas vezes de proteção ambiental,gerando assim problemas ambientais significativos, o que evidencia a importância de estudos nessasáreas. O presente trabalho tem por objetivo mapear o uso e adequação do solo no município de SãoJoão do Tigre-PB, onde está localizado uma área de proteção ambiental (APA das Onças), através detécnicas de Geoprocessamento, como o Sensoriamento Remoto, Sistema de Informações Geográficas(SIG), trabalho de campo e técnicas de interpretação da paisagem. Para realização do estudo foramutilizadas imagens do satélite Landsat 5 TM e o processamento dos dados foi feito no software Spring5.1.7. Os resultados possibilitaram uma análise do uso e adequação do solo aplicados na região. Foramobservadas atividades agrícolas, vegetação tipo caatinga aberta e fechada e alguns corpos d ‘água,sendo a caatinga aberta à classe com maior representação espacial. Através da análise dos resultados edo trabalho de campo observou-se que atividades agrícolas juntamente com as queimadas e odesmatamento realizados na área agridem o meio ambiente, trazendo conseqüências não só ao meio,mas a própria sociedade que vive da terra que cultiva. Também demonstrou os resultados satisfatóriosdo uso das geotecnologias como ferramenta no mapeamento do uso e adequação do solo em regiõesvulneráveis a degradação.

Downloads

Publicado

2012-11-12

Como Citar

Alves Rêgo, S. C., Silva Lima, M. N., Rodrigues Monteiro, T. R., & Israel de Souza, B. (2012). MAPEAMENTO DO USO E ADEQUAÇÃO DO SOLO NO MUNICIPIO DE SÃO JOÃO DO TIGRE – PB COM O AUXÍLIO DE GEOTECNOLOGIAS. REVISTA GEONORTE, 3(5), 1583 –. Recuperado de //periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/2215

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)