CARACTERIZAÇÃO E ESPACIALIZAÇÃO DOS DEPÓSITOS TECNOGÊNICOS NO BAIRRO CAMOBI: SUBSÍDIO AO PLANEJAMENTO URBANO DO MUNICÍPIO DE SANTA MARIA – RS

Autores

  • Tania Cristina Gomes
  • Eduardo Samuel Riffel

Palavras-chave:

depósito tecnogênico, dinâmica superficial, geomorfologia, Santa Maria

Resumo

O ambiente transformado pela ação humana, aliado a técnica, produz alterações distintas daquelas de origem natural, indicando a capacidade humana de criar morfologias artificiais em curtos períodos de tempo. Assim, as novas morfologias nos levam a refletir sobre a inserção de elementos no ambiente, de origem tecnogênica e que, com o seu tempo próprio, transfiguram a paisagem e remodelam o relevo. As necessidades do homem como individuo ou sociedade estimulam o desenvolvimento de diversas técnicas que acabam tornando o homem fator geológicos, sendo as áreas urbanas, principais locais de criação de depósitos tecnogênicos. Dessa maneira este estudo objetiva caracterizar, identificar e espacializar os depósitos tecnogênicos no Bairro Camobi em Santa Maria/RS. Para a elaboração e execução da pesquisa concentrou-se no levantamento bibliográfico, tendo por finalidade subsidiar a elaboração do referencial teórico-metodológico da pesquisa. O material cartográfico foi elaborado no SOFTWARE SPRING 4.2. A área total ocupada com depósitos tecnogênicos construídos compreende cerca de 2,48 Km² (248,24 ha) aproximadamente cerca de 12%, classificados, como depósitos construídos. Observou-se que os depósitos predominam em áreas de uso institucional e industrial e, sua criação não está relacionada às classes sociais existentes na área de estudo.

Downloads

Publicado

2012-11-12

Como Citar

Gomes, T. C., & Riffel, E. S. (2012). CARACTERIZAÇÃO E ESPACIALIZAÇÃO DOS DEPÓSITOS TECNOGÊNICOS NO BAIRRO CAMOBI: SUBSÍDIO AO PLANEJAMENTO URBANO DO MUNICÍPIO DE SANTA MARIA – RS. REVISTA GEONORTE, 3(5), 276–288. Recuperado de //periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/2081