INVENTÁRIO DO MEIO FÍSICO COMO SUBSÍDIO AO PLANEJAMENTO AMBIENTAL: ESTUDO APLICADO NA BACIA HIDROGRÁFICA DA REPRESA DE CHAPÉU D’UVAS – ZONA DA MATA E CAMPO DAS VERTENTES/MG

  • Christian Ricardo Ribeiro
  • Antonio Cezar Leal
Palavras-chave: bacia hidrográfica, meio físico, planejamento ambiental.

Resumo

A Bacia Hidrográfica da Represa de Chapéu D’Uvas, localizada no sudeste do Estado de MinasGerais, será utilizada para o abastecimento público de água do Município de Juiz de Fora ainda em2012. Vários são os problemas socioambientais observados na bacia do manancial, como a remoção dacobertura vegetal em áreas de preservação permanente, desencadeando vários processos erosivos; apoluição de suas águas devido à introdução de esgotos domésticos; etc. Sendo assim, o objetivo dapesquisa foi o de elaborar um inventário do meio físico da Bacia Hidrográfica da Represa de ChapéuD’Uvas, gerando um conjunto de informações que subsidiem o planejamento ambiental em sua áreade abrangência. Para tanto, foram realizados levantamentos bibliográficos e trabalhos de campo cujosresultados obtidos foram sistematizados e cartografados, gerando uma coleção de mapas temáticos,gráficos e tabelas que foram interpretados e permitiram a análise da área estudada.
Publicado
2012-11-16
Como Citar
Ricardo Ribeiro, C., & Cezar Leal, A. (2012). INVENTÁRIO DO MEIO FÍSICO COMO SUBSÍDIO AO PLANEJAMENTO AMBIENTAL: ESTUDO APLICADO NA BACIA HIDROGRÁFICA DA REPRESA DE CHAPÉU D’UVAS – ZONA DA MATA E CAMPO DAS VERTENTES/MG. REVISTA GEONORTE, 3(6), 1045 - 1058. Recuperado de https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/2005