RELAÇÃO ENTRE O TAMANHO DAS BACIAS DE DRENAGEM DE PRIMEIRA ORDEM E O GRAU DE DISSECAÇÃO DO RELEVO VIA ÍNDICE DE CONCENTRAÇÃO DA RUGOSIDADE (ICR) – UMA ANÁLISE COM BASE NO OESTE DO PARANÁ – BR.

  • M.S. Sousa,
  • T.V.M. Sampaio,
Palavras-chave: Geomorfologia

Resumo

A estruturação da rede de drenagem é influenciada por diversos fatores físico- ambientais, dentre eles o relevo. Com o objetivo de verificar tal influência, a presente pesquisa mensurou a relação entre o tamanho das bacias de drenagem de primeira ordem, localizadas no oeste do Paraná, e o grau de dissecação do relevo, aplicando a metodologia do Índice de Concentração da Rugosidade (ICR). No entanto, o resultado obtido (-0,0598) indicou fraca correlação negativa entre as variáveis.
Publicado
2014-01-12
Como Citar
Sousa, M., & Sampaio, T. (2014). RELAÇÃO ENTRE O TAMANHO DAS BACIAS DE DRENAGEM DE PRIMEIRA ORDEM E O GRAU DE DISSECAÇÃO DO RELEVO VIA ÍNDICE DE CONCENTRAÇÃO DA RUGOSIDADE (ICR) – UMA ANÁLISE COM BASE NO OESTE DO PARANÁ – BR. REVISTA GEONORTE, 5(20), 458 - 464. Recuperado de https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/revista-geonorte/article/view/1594