Andragogia e a Resiliência no Processo de Formação de Professores para o Ensino Superior

  • Edileuza Maria Lima de Carvalho Universidade do Estado do Amazonas
  • Maridulce Ferreira Lustosa Secretaria Municipal de Educação de Manaus

Resumo

A partir do tema Andragogia e a Resiliência no processo de Formação de Professores para o Ensino Superior, desenvolvemos uma pesquisa com o objetivo de conhecer como é aplicada a Resiliência nos cursos de Formação de Professores para o Ensino Superior da Faculdade Salesiana Dom Bosco da Zona Leste de Manaus–AM considerando a Andragogia. Os procedimentos metodológicos foram orientados pelo Método Fenomenológico, pela metodologia bibliográfica, metodologia de campo e pela técnica de questionário, para a coleta dos dados fornecidos pelos participantes da investigação. A revisão da literatura pertinente e o resultado da pesquisa de campo, que foi analisado qualitativamente à luz dos conceitos e significados que consubstanciam os estudos e pesquisas sobre a metodologia andragógica e o fenômeno da resiliência no âmbito da educação, confirmaram as hipóteses que nortearam este trabalho.

Biografia do Autor

Edileuza Maria Lima de Carvalho, Universidade do Estado do Amazonas

Mestrado em Ensino de Ciências na Amazônia – Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Especialização em Pesquisas Educacionais-Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Especialização em Docência Universitária-FSDB, Licenciatura em Normal Superior-Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Ex-Aluna do Curso de Pós-Graduação em Docência Universitária da faculdade Salesiana Dom Bosco de Manaus-AM.

Maridulce Ferreira Lustosa, Secretaria Municipal de Educação de Manaus

Mestrado em História – PUC GOIÁS, Especialização em Docência em Ensino Superior – PUC GOIÁS, Graduação em Pedagogia – UFAM. Professora da Pós-Graduação em Docência Universitária da Faculdade Salesiana Dom Bosco de Manaus-AM.

Publicado
2020-03-30