Festa e Guerra na Esplanada: sons da política num Acampamento Terra Livre

  • Mario de Azevedo Brunoro
  • Rafael Monteiro Tannus Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

Resumo

Esse artigo busca construir uma leitura do principal evento político indígena do Brasil, o Acampamento Terra Livre (ATL), a partir das propostas teóricas desenvolvidas por Beatriz Perrone-Moisés (2015) de assumir o par festa-guerra enquanto possível chave de compreensão da política ameríndia. Tenta explorar também o caráter imbricado dessa política com a música e os cantos dos diversos povos – amazônicos, mas não só – que se reuniram no evento.

Publicado
2021-02-21