A PERCEPÇÃO DOS PROFESSORES DE UMA ESCOLA PÚBLICA QUANTO A NECESSIDADE DE UM PSICÓLOGO ESCOLAR

  • Daiane Arirama Nascimento
  • Julio Cesar Pinto de Souza Instituto Metropolitano de Ensino – IME

Resumo

A psicologia escolar é uma das áreas da psicologia que vem ganhando destaque no mercado de trabalho, por seus avanços no campo da educação e pela necessidade desta no âmbito escolar, em questões de ensino/aprendizagem. Trabalha de maneira conjunta com uma equipe multidisciplinar e o psicólogo apresenta-se como um mediador no método de ensino. Este artigo teve como objetivo compreender a percepção dos professores de uma escola pública do interior do Amazonas, quanto à necessidade ou não de um psicólogo escolar atuante na escola. Essa pesquisa foi de caráter quantitativo, qualitativo e descritivo, sendo utilizado como instrumento a entrevista semiestruturada. Em relação aos resultados foi verificado quão necessário se faz a presença de um psicólogo escolar no âmbito acadêmico tendo em vista que 100% dos professores entrevistados afirmaram que o psicólogo escolar acrescentaria bastante/muito no corpo estudantil. Ainda quanto a essa questão os professores acreditam ser muito importante a atuação do psicólogo escolar, sobre essa importância foi feita uma escala de 0(nada) à 10(muito), 90% dos professores marcaram 10, quanto aos 10% esses marcaram entre 8 à 9, dentro dessa escala, tais marcações são pontos fortes sobre a atuação desse profissional, podendo auxiliar de diversas formas no corpo estudantil, intervindo em questões sociais, emocionais e em relação ao ensino/aprendizagem.

Palavras-chaves: Psicologia Escolar, Professores, Ensino/Aprendizagem, Educação.

Biografia do Autor

Daiane Arirama Nascimento

Titulação - graduação em psicologia

Graduada em psicologia pelo Centro Universitário FAMETRO

Julio Cesar Pinto de Souza , Instituto Metropolitano de Ensino – IME

Titulação - mestre em psicologia - Graduado em psicologia clínica pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM), especialista em psicologia do esporte (Faculdades Integradas -Brasília/DF) e Mestre em psicologia (linha psicossocial) pela UFAM. Ainda possuo especializações nas seguintes áreas: Gestão com ênfase em Administração Hospitalar (FGV-RJ) e Relações Públicas e especialidades de marketing (UVA-RJ). Parecerista da Revista Psicologia e Saúde e Vittalle. Atuação na área da Assistência Social e professor de graduação e pós-graduação. Atualmente professor do Instituto Metropolitano de Ensino – IME.

Publicado
2021-07-01