Projeto Pedagógico do Curso e o serviço de aquisição da biblioteca do Instituto de Saúde e Biotecnologia

Autores

  • Denise Xavier Costa Universidade Federal do Amazonas (UFAM), Campus Coari, Coari – AM

Resumo

O Projeto Pedagógico do Curso é o documento norteador para o desenvolvimento do curso na instituição e um dos instrumentos mais importantes que colaboram para a execução do serviço de aquisição bibliográfica realizado pela Biblioteca do Instituto de Saúde e Biotecnologia. É com base nas referências apresentadas nos ementários disponibilizados neste documento é que são realizadas as seleções de títulos para aquisição de material bibliográfico que devem compor o acervo da biblioteca. Este estudo de caso tem como objetivo enfatizar a necessidade de atualização dos ementários apresentados nos Projetos Pedagógicos dos Cursos de Graduação do Instituto de Saúde Biotecnologia, uma vez que a maioria destes documentos não apresentam discriminação do que seriam as bibliografias básica e complementar. Foram averiguados os Projetos Pedagógicos de todos os sete cursos de graduação ofertados pelo Instituto de Saúde e Biotecnologia e destes apenas três apresentam em seus ementários a discriminação entre bibliografia básica e complementar. Três dos documentos que não apresentam a divisão das bibliografias não sofreram qualquer alteração desde a criação do curso ou a pelo menos cinco anos e um curso teve sua implantação recente, porém a estrutura de discriminação das bibliografias não foi levada em consideração para a elaboração do mesmo. Também foram analisados os procedimentos da última aquisição de material bibliográfico para a Biblioteca do Instituto de Saúde e Biotecnologia e constatou-se que os cursos que têm em seus Projetos Pedagógicos a discriminação das bibliografias teve como benefício a maior aquisição de títulos variados. Portanto, conclui-se que a importância dessa divisão se dá pelo melhor uso dos recursos financeiros, pois a quantidade de exemplares a serem adquiridos para as bibliografias básicas diferem para as apresentadas nas bibliografias complementares e ainda pela possibilidade de abrangência de variedade de aquisição de títulos. Também vale ressaltar que a discriminação das bibliografias em básica e complementar são quesitos dos indicadores do Instrumento de Avaliação dos Cursos de Graduação do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior – SINAES do Ministério da Educação que “subsidia os atos autorizativos de curso – autorização, reconhecimento e renovação de conhecimento” e ainda atribui conceitos ao mesmo.

Downloads

Publicado

2019-06-27

Como Citar

COSTA, D. X. Projeto Pedagógico do Curso e o serviço de aquisição da biblioteca do Instituto de Saúde e Biotecnologia. Revista Ensino, Saúde e Biotecnologia da Amazônia, [S. l.], v. 1, n. especial, p. 1, 2019. Disponível em: //periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/5732. Acesso em: 5 fev. 2023.