FATORES DE RISCO E PROTEÇÃO AO USO E ABUSO DE ÁLCOOL E OUTRAS DROGAS SEGUNDO ADOLESCENTES DE UMA ESCOLA DE MANAUS

  • Ana Leila Gazel Ribas
  • Daniel Cerdeira de Souza
  • Tirza Almeida da Silva
  • Sônia Maria Lemos
  • Eduardo Jorge Sant’Ana Honorato

Resumo

O uso de drogas apresenta-se como um problema de saúde pública de amplo impacto, associado à situação de vulnerabilidade individual e social e seu uso por adolescentes e jovens tornou-se um grave problema social no contexto escolar. Considerando esse contexto, o objetivo do presente artigo foi analisar de que forma os alunos de uma escola estadual de Manaus compreendem ser fatores de risco e proteção ao uso de álcool e outras drogas. Metodologicamente, trata-se de uma pesquisa qualitativa e foi realizada em uma escola estadual de Manaus. Participaram seis estudantes, três de cada gênero/sexo que foram submetidos a uma entrevista semiestruturada e os resultados foram analisados a partir da Análise de Conteúdo. Os resultados mostraram seis categorias: 1) Casa e a abertura em falar sobre as drogas; 2) Principal fonte de informação sobre as drogas; 3) Conhecimento sobre os efeitos das drogas; 4) Membro da família e problemas com drogas; 5) Contato com as drogas; 6) Eventos ou projetos educativos sobre o uso de drogas na escola, que discutem que o principal fator de risco segundo os adolescentes entrevistados foram as relações com os pares na escola e na comunidade, e como fatores de proteção, emergiram a família e os programas de prevenção ao uso de drogas na escola. As principais fontes de informação sobre drogas para os adolescentes foram as mídias e relatou-se abertura familiar para se dialogar sobre drogas em casa e também se percebeu modificações e reorganizações familiares devido o uso e abuso de drogas.

Palavras-chave: Adolescência; Drogas; Fator de risco; Fator de proteção; Uso de drogas na escola.

Publicado
2020-07-22