Revista Ensino, Saúde e Biotecnologia da Amazônia https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam <p style="text-align: justify;">Sejam bem-vindos à <strong>“Revista Ensino, Saúde e Biotecnologia da Amazônia (RESBAM) - ISSN 2675-4525</strong>, uma revista semestral, sem custos e de acesso aberto (<span style="color: #000000;">Green Road Open Access</span>), idealizada pelo Curso de Biotecnologia do Instituto de Saúde e Biotecnologia (ISB) da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), centro que abriga e desenvolve trabalhos relacionados aos cursos de Ensino (Ciências: Biologia e Química e Ciências: Matemática e Física), Saúde (Enfermagem, Nutrição, Fisioterapia e Medicina) e Biotecnologia. Apresenta como missão promover a investigação científica e divulgar o conhecimento e experiências no campo dessas três grandes áreas, com principal interesse nas iniciativas e pesquisas aplicadas na região da Amazônia continental, tornando-se um espaço de publicação e de reflexão. As submissões de trabalhos é de fluxo contínuo e são realizadas pela forma eletrônica na língua portuguesa.</p> <p style="text-align: left;">Siga e participe da RESBAM no Facebook: <a href="https://www.facebook.com/resbam.isb">https://www.facebook.com/resbam.isb</a></p> Maria Aparecida Silva Furtado pt-BR Revista Ensino, Saúde e Biotecnologia da Amazônia 2675-4525 <p style="text-align: justify;">Ao submeter o manuscrito, os autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito da primeira publicação do manuscrito revisado, com o trabalho licenciado sob a <a href="https://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0/">Licença Creative Commons Attribution</a> 4.0 (Cc-By-Nc-Sa), que permite, sem fins lucrativos, o compartilhamento, adaptações do trabalho, seguindo a mesma política de licenciamento e com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.</p> <ul style="text-align: justify;"> <li class="show">Autores têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho online (ex.: em repositórios institucionais ou página pessoal), após seu aceite, antes ou durante o processo editorial, já que isso pode gerar alterações produtivas, bem como aumentar o impacto e a citação do trabalho publicado (Veja <a href="http://opcit.eprints.org/oacitation-biblio.html" target="_new">O Efeito do Acesso Livre</a> - <span style="color: #000000;">Green Road </span>).</li> </ul> <p style="text-align: justify;">&nbsp;</p> <p>&nbsp;</p> Equipe editorial e Contribuídores https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/8605 Equipe RESBAM Copyright (c) 2020 Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito da primeira publicação do manuscrito revisado. 2020-12-22 2020-12-22 i ii Editorial https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/8606 Equipe RESBAM RESBAM Copyright (c) 2020 Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito da primeira publicação do manuscrito revisado. 2020-12-22 2020-12-22 iii iv Sumário https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/8607 Equipe RESBAM RESBAM Copyright (c) 2020 Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito da primeira publicação do manuscrito revisado. 2020-12-22 2020-12-22 v v Sobre as terminologias do envelhecer https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/8262 <p>Envelhecer é um desafio no Brasil, popularmente vê-se termos equivocados quando se referem ao processo de envelhecer, muito ligado ao preconceito que gira em torno desse privilégio da vida que é ficar velho ou velha. Discutimos brevemente sobre o bom uso de termos que envolvem a velhice.</p> Hércules Lázaro Campos Copyright (c) 2020 Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito da primeira publicação do manuscrito revisado. 2020-12-22 2020-12-22 01 02 Desenvolvimento de Gel Energético a partir do Buriti (Mauritia flexuosa) e do Guaraná (Paullinia cupana) para Praticantes de Atividade Física https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/6634 <p>A preocupação com a qualidade de vida aliada a praticidade tem levado muitos indivíduos a procura de recursos ergogênicos de fácil consumo, visto que a ingestão adequada de carboidrato em praticantes de atividades físicas ajuda a evitar a perda de massa magra e a ocorrência de possíveis deficiências nutricionais que venham interferir no desempenho físico. Portanto, os carboidratos exercem funções importantes, uma delas é a fonte energética primária, essencial para quem pratica exercícios físicos. As frutas regionais amazônicas têm ampla variedade de fontes energéticas, ricas em vitaminas e minerais. O buriti é rico em ferro e vitaminas, e outro destaque, é o guaraná, por ser um alimento altamente energético. Com base nisso, o objetivo deste trabalho foi desenvolver um gel de carboidrato a partir das frutas regionais amazônicas buriti e guaraná para praticantes de atividade física. Foram desenvolvidas três amostras do gel, onde 60 provadores adultos avaliaram as características organolépticas (aparência, textura, sabor e impressão global), utilizando a escala hedônica estruturada de 9 pontos e teste de intenção de compra com escala estruturada de 5 pontos. Foi observado que não houve diferença estatística entre os atributos, porém houve uma tendência de maior aceitação para a amostra que não possuía guaraná na formulação em relação a cor. Contudo, a quantidade de guaraná teve relação com a aceitação do gel, atingindo maior tendência de aceitação para a amostra sem adição deste componente.</p> <p><strong>Palavras-chave: </strong>Gel energético. Frutas regionais amazônicas. Exercício.</p> Jamile da Silva Lima Ivone Lima dos Santos Gustavo Bernardes Fanaro Copyright (c) 2020 Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito da primeira publicação do manuscrito revisado. 2020-12-22 2020-12-22 03 09 Cromatografia: uso de materiais alternativos para o ensino de separações químicas https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/6777 <p>A cromatografia é um método físico-químico de separação de uma mistura através da migração diferencial da amostra entre fase móvel e fase estacionária. Abrange uma série de técnicas de separação de componentes Físicos e Químicos que podem ser reproduzidas na sala de aula com intuito de deixar as aulas de Química mais dinâmicas e facilitar o ensino e aprendizado dos alunos. O presente artigo teve como objetivo compreender o processo de separação de misturas utilizando diferentes fases estacionárias, casca de ovo (CaCO<sub>3</sub>), giz (CaSO<sub>4</sub>) e sílica em gel (SiO<sub>2</sub>), empregando a técnica de Cromatografia em Camada Delgada (CCD) para separação de clorofila extraída de material vegetal. Como fase móvel utilizou-se o hexano e o acetado de etila como mistura para observar a corrida cromatográfica. No processo de separação da mistura a cromatografia utilizando a sílica apresentou uma melhor separação, seguida da fase estacionária com casca de ovo e com giz. A cromatografia por adsorção utilizando material alternativo mostrou-se uma técnica eficiente e de baixo custo para ser utilizada em sala de aula, favorecendo debates sobre diversos conteúdos Químicos envolvidos no processo.</p> Leandra Protázio da Rocha Aldimara Faba Martins Deiciane Silva de Lima Gerlane Martins da Silva Rayene Monteiro de Souza Thakayama da Costa Romano Jose Renato da Rocha Fernandes José Dobles Dias dos Reis Júnior Klenicy Yamaguchi Copyright (c) 2020 Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito da primeira publicação do manuscrito revisado. 2020-12-22 2020-12-22 10 20 Prospecção tecnológica: mapeamento patentário aos processos da biotecnologia sobre vírus ssRNA (+) para o direcionamento de vacinas a SARS-CoV-2 https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/7633 <p>Em março de 2020, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou diante do surto de coronavírus (Covid-19) uma pandemia global. O presente artigo visa abordar de forma investigativa o trabalho patentário e artigos mundiais perante os processos biotecnológicos sobre vírus (+) ssRNA&nbsp; que possibilitam demonstrar um direcionamento para o desenvolvimento de vacinas a Sars-CoV-2. O mapeamento bibliográfico foi realizado pela busca eletrônica do<em> Nature</em>, e o levantamento de informações de patentes pelo portal <em>Espacenet</em> do Escritório Europeu de Patentes (EPO) WordWide, pelo <em>software </em>Excel, fazendo uma relação de dados equivalentes as inovações tecnológicas que o mundo tem contribuído para&nbsp; as biotecnologias e afins. Os Estados Unidos são o país mais dominante na contribuição patentária aos estudos biotecnológicos correspondendo a 52 contribuições<em>. </em>As pesquisas científicas paras áreas de biotecnologia e biomedicina tem crescido exponencialmente em decorrência da propagação do novo coronavírus. O tempo para desenvolver uma vacina é longo, e tudo indica que pela crise atual o desenvolvimento de uma ao coronavírus acontecerá em tempo recorde em favor das tecnologias.</p> Robson Almeida Silva Fabiany Cruz Gonzaga Copyright (c) 2020 Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito da primeira publicação do manuscrito revisado. 2020-12-22 2020-12-22 21 34 A Educação Nutricional como disciplina pedagógica na educação infantil https://periodicos.ufam.edu.br/index.php/resbam/article/view/6784 <p>Objetivou-se demonstrar a importância da educação nutricional, no âmbito escolar infantil, como disciplina pedagógica de ensino. Delineou-se por meio de experiência vivenciada no estágio de Unidade de Alimentação e Nutrição I (UAN) na Escola Estadual Thomé de Medeiros Raposo com crianças em idade de 06-12 anos cursando do 1° ao 5° ano do ensino fundamental, no período de 23 de setembro a 25 de outubro de 2019. Realizada por meio de palestras lúdicas e dinâmicas para avaliar a aprendizagem. Os resultados foram satisfatórios, mediante ao que foi aplicado de feedback positivo. Portanto podemos afirmar que educação nutricional tem um papel fundamental no processo de ensino-aprendizagem para a formação de bons hábitos alimentares na infância.</p> Raquel Peres de Oliveira Rainara de Souza Oliveira Sergio de Almeida Matos Luciene Peres Figueira Naiane Silva da Conceição Regina Coeli da Silva Vieira Copyright (c) 2020 Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito da primeira publicação do manuscrito revisado. 2020-12-22 2020-12-22 35 49