EMERGÊNCIA DA LITERATURA INFANTIL E JUVENIL EM MOÇAMBIQUE: PRODUÇÃO EM CURSO

  • Pedro Manuel Napido Universidade Licungo (UL)

Resumo

O estudo que ora se apresenta é um recorte dos resultados da tese de doutorado que discutiu sobre a história da emergência da literatura infantil e juvenil em Moçambique através das obras, autores e fontes. O texto se objetiva apresentar o contexto sociohistórico da sua emergência, a obra iniciática e a produção em curso. Os resultados mostram que esta literatura emerge no período pós-independência com a publicação da obra Papá operário mais seis histórias, de Orlando Mendes, numa temática centrada na satisfação dos interesses da revolução. A produção actual subverte os preconceitos doutrinários através da arte. A metodologia que ampara este artigo é a revisão bibliográfica e consulta documental. Com os resultados também se almeja fomentar discussões referentes aos saberes necessários à prática pedagógica, especificamente a prática dos professores de língua portuguesa no conhecimento da história desta literatura para permitir a seleção de textos de diversos autores para a formação de leitores literários.

Palavras-chave: Literatura; professor; pedagogia, arte.

Biografia do Autor

Pedro Manuel Napido , Universidade Licungo (UL)

Doutor em Letras, Professor de Literatura moçambicana na Universidade Licungo (UL); Departamento de Letras

Publicado
2021-07-01