THEODOR DE BRY: PUBLICAÇÃO E APROPRIAÇÃO NO ENSINO DE HISTÓRIA

  • Chrislaine Janaina Damasceno UNESP - Franca

Resumo

O desafio proposto neste artigo é o de comparar duas produções distintas elaboradas em períodos muito distantes, mas que convergem pelo fato de serem meios de apresentar o “desconhecido” a um público consumidor. Percorreremos o caminho entre dois diferentes momentos: o século XVI, da produção das obras de Theodor de Bry, e o século XXI, da elaboração dos materiais didáticos para alunos do ensino fundamental, em que as imagens de De Bry são absorvidas para servir a estes materiais. Neste trajeto de 500 anos de distância, apresentaremos as convergências e divergências entre dois estilos textuais que têm como função congruente o conhecimento, e buscaremos descobrir se as apropriações posteriores buscaram estabelecer uma imagem estática das sociedades indígenas. Traçar este caminho, no entanto, nos leva a atentar para as especificidades entre as dessemelhanças existentes ao longo do tempo que nos propomos a analisar.

Palavras chaves: Ensino de História, História da América, Theodor de Bry.

Publicado
2020-07-30