O ENSINO DA HISTÓRIA LOCAL NO ENSINO BÁSICO E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE CULTURAL EM MUCUPIA (MOÇAMBIQUE)

  • Óscar Modesto Castiano Zumbire Universidade Licungo, Moçambique

Resumo

O presente artigo tem como objectivo principal analisar o contributo do ensino da história local na formação da identidade cultural, o caso de Mucupia. O tema enquadra se no leque das inovações introduzidas no actual currículo de ensino básico em curso no pais desde 2004, o currículo local, que consiste na abordagem de conteúdos de âmbito local em paralelo com os gerais que constam nos programas curriculares. A pesquisa decorreu nas EPCs Eduardo Mondlane e Kuvunga na localidade de Mucupia, distrito de Inhassunge, Província da Zambézia - Moçambique. A análise de dados no terreno que a história local é ensinada com muitas dificuldades relacionadas com a falta de material didáctico específico sobre a história local de Mucupia; falta de professores formados em metodologia de trabalho de campo; a fraca cooperação entre a escola e a comunidade; a fusão de conteúdos temáticos de disciplinas diferentes numa só. O estudo também revelou que apesar das dificuldades na sua implementação, o ensino da história local de Mucupia propicia a formação da identidade cultural na medida em que permite aos alunos assimilarem os valores da cultura e da história locais da sua comunidade criando neles, um espírito de pertença a um grupo cultural especifico. Com vista a garantir a plena implementação da história local de Mucupia, sugerimos aos professores, o recurso a metodologias apropriadas como as histórias familiares e da escola; as visitas de estudo aos locais de interesse histórico; a sensibilização aos membros da comunidade sobre o papel na selecção dos conteúdos relevantes para a elaboração da história local; a sua presença na escola quando forem solicitados para interagir com os alunos sobre um determinado tema de âmbito local.

Palavras-chave: História Local. Ensino Básico, Identidade Cultural.

Publicado
2020-07-30