RESSIGNIFICANDO O SER-NO-MUNDO COM DIAGNÓSTICO DE CÂNCER A PARTIR DA ARTETERAPIA: O OLHAR DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

  • Ewerton Helder Bentes de Castro Universidade Federal do Amazonas (UFAM)
  • Márcia de Lorena Serra Maia
  • Francisca Renilma de Moura Marinho
  • Jane da Silva Paes

Resumo

O câncer é um conjunto de diferentes doenças nas quais existe a multiplicação anormal de células doentes e ao ser diagnosticado com câncer a pessoa e seus familiares sofrem um grande impacto, pois apesar do avanço da ciência, estar com câncer ainda é considerado sentença de morte, vivenciando ainda discriminação, preconceito e rejeição social e, esta situação ao ocorrer na infância ou adolescência torna-se mais complexa e o com isso, ressignificar suas vivências e sua trajetória de vida é algo bastante doloroso. Esta pesquisa teve como objetivo conhecer as modificações internas que as crianças e adolescentes atribuem a arteterapia, a partir da fenomenologia- existencial. A pesquisa foi qualitativa, utilizando o método fenomenológico de pesquisa através da entrevista fenomenológica áudio gravada com 10 crianças e adolescentes acompanhados pelo GACC-Am integrantes do projeto de Arteterapia. Foram encontradas três categorias: a) A dimensão do diagnóstico: o novo que passei a viver; b) Arteterapia, imersão na proposta; c) A possibilidade de repensar a mim mesmo e minha vida. Observamos que existe um aspecto pluridimensional nesse contexto existencial, o do existir sendo criança e adolescente com câncer e que a proposta do Grupo de Arteterapia tem propiciado suporte para o enfrentamento e ressignificação da condição de saúde em que se encontram.

Palavras-chave: Câncer; infância e adolescência; arteterapia; ressignificação.

Biografia do Autor

Ewerton Helder Bentes de Castro, Universidade Federal do Amazonas (UFAM)

Docente dos cursos de graduação em Psicologia da Universidade Federal do Amazonas. Pesquisador na área de Psicologia Fenomenológico-Existencial. Coordenador do Grupo de Pesquisa em Psicologia Fenomenológico-Existencial certificado no CNPq e do Laboratório de Psicologia Fenomenológico-Existencial/UFAM.ufam

Publicado
2020-07-30