MOCAMBOS DO TROMBETAS: VIAJANTES E EXPLORADORES DE 1850-1915

  • Juliene Pereira Santos UFAM, PROJETO NOVA CARTOGRAFIA SOCIAL DA AMAZÔNIA/UEA.

Resumo

Este artigo constitui-se de uma análise das crônicas de viagens sobre a região do Trombetas, município de Oriximiná/PA, publicadas no período de 1850-1915. Apesar de essas narrativas desvelarem uma grade diversidade de agentes sociais, o objeto de análise são os antigos “mocambos” ou “quilombos” da região a partir das crônicas produzidas por naturalistas, exploradores e missionários. A análise de diferentes fontes históricas, de diferentes gêneros além de imprimir à sociedade um contexto histórico, possibilita reconstruir as formas de classificação sobre os agentes sociais atualmente autodefinidos enquanto “quilombolas”.

##submission.authorBiography##

##submission.authorWithAffiliation##
Graduanda em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Amazonas; pesquisadora bolsista projeto Nova Cartografia Social da Amazônia.
Publicado
2017-08-08
Como Citar
SANTOS, Juliene Pereira. MOCAMBOS DO TROMBETAS: VIAJANTES E EXPLORADORES DE 1850-1915. Wamon - Revista dos alunos do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da UFAM, [S.l.], v. 2, ago. 2017. ISSN 2446-8371. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/wamon/article/view/3491>. Acesso em: 17 dez. 2017.
Edição
Seção
Artigos