A IMPORTÂNCIA DE UMA EDUCAÇÃOPARA OS SABERES ECOLÓGICOS NA FORMAÇÃO DA CRIANÇA AMAZÔNIDA NA PÓS-MODERNIDADE

  • Gracy Kelly Monteiro Dutra Teixeira
  • Maria Inês Gasparetto Higuchi

Resumo

Este artigo de revisão bibliográfica se propõe a discutir a importância de uma educação ecológica para a criança amazônica na pós-modernidade, a qual é o elemento fundamental para a retomada de um equilíbrio do ambiente físico. Parte-se do princípio epistemológico da Sociologia da Infância que empodera à criança o papel de protagonista na análise dos fenômenos sociais,e do conceito de Ecologia de Saberes elaborado por Boaventura de Sousa Santos (2006) na formação de uma educação além do paradigma hegemônico. Utilizou-se como respaldo teórico Leff (2001; 2006), Jacobi (2003; 2005), Higuchi (2004), Khan et al (1996; 2009), entre outros. É salientada a necessidade de uma educação voltada aos saberes ecológicos, para que haja a manutenção do ecossistema e prolongamento da vida terrestre.



Palavras-chave: Criança. Educação. Ruptura. Empoderamento. Ambiente.

Publicado
2017-12-18
Como Citar
TEIXEIRA, Gracy Kelly Monteiro Dutra; HIGUCHI, Maria Inês Gasparetto. A IMPORTÂNCIA DE UMA EDUCAÇÃOPARA OS SABERES ECOLÓGICOS NA FORMAÇÃO DA CRIANÇA AMAZÔNIDA NA PÓS-MODERNIDADE. Somanlu: Revista de Estudos Amazônicos, [S.l.], v. 15, n. 1, p. 25-43, dez. 2017. ISSN 2316-4123. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/somanlu/article/view/4050>. Acesso em: 22 abr. 2018. doi: https://doi.org/10.17563/somanlu.v15i1.4050.
Seção
Artigos