VULNERABILIDADE NATURAL À PERDA DE SOLOS NA FLONA BOM FUTURO E SEU ENTORNO PRÓXIMO/ESTADO DE RONDÔNIA / Natural vunerability to the soils’s loss in the Flona – Bom Futuro and its surround/Rondônia State

  • Alex Mota dos Santos Universidade Federal de Goiás
  • Emanuel Fernando Correia Sanches Schott Universidade Federal de Rondônia
  • Daniel de Oliveira Soares Universidade Federal de Rondônia

Resumo

A Floresta Nacional (FLONA) do Bom Futuro, localizada no município de Porto Velho, estado de Rondônia, sofreu intensa ocupação a partir da década de 90. Como efeito, é possível que a ocupação na área da FLONA tenha afetado a estabilidade do solo, deixando-o susceptível à erosão. Neste sentido, o objetivo do trabalho foi mensurar e quantificar a vulnerabilidade natural à perda de solos na FLONA Bom Futuro e seu entorno a partir de métodos indiretos, nomeadamente, o processamento digital de imagens de sensoriamento Remoto e álgebra de mapas a partir de um Sistema de Informação Geográfica (SIG). Como resultado identificou-se que a retirada da vegetação nativa pode interferir na estabilidade do solo, sendo o dano minimizado pela sua estrutura e da geologia encontrada na área.  Além disso, observou-se que foi a terra indígena a área especial que mais contribui para conservação da floresta.

Publicado
2018-06-29
Como Citar
DOS SANTOS, Alex Mota; SCHOTT, Emanuel Fernando Correia Sanches; SOARES, Daniel de Oliveira. VULNERABILIDADE NATURAL À PERDA DE SOLOS NA FLONA BOM FUTURO E SEU ENTORNO PRÓXIMO/ESTADO DE RONDÔNIA / Natural vunerability to the soils’s loss in the Flona – Bom Futuro and its surround/Rondônia State. REVISTA GEONORTE, [S.l.], v. 9, n. 32, p. 24-44, jun. 2018. ISSN 2237-1419. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/revista-geonorte/article/view/4120>. Acesso em: 19 ago. 2018. doi: https://doi.org/10.21170/geonorte.2018.V.9.N.32.24.44.
Seção
Artigos