DOCENTES DA EDUCAÇÃO BÁSICA E A COMPREENSÃO DA SEXUALIDADE COMO CONTEÚDO CURRICULAR

  • Neil Franco Universidade Federal de Juiz e Fora - UFJF
  • Welson Barbosa Santos Universidade Federal de Goiás - UFGO
  • Eliane Rose Maio Universidade Estadual de Maringá - UEM

Resumo

O objetivo deste estudo é de contextualizar e refletir sobre como docentes da Educação Básica da cidade de Uberlândia-MG compreendem a inserção da temática da sexualidade no cotidiano escolar. Setenta e três professoras/es compuseram o universo investigado. Responderam a um questionário cujas informações foram analisadas à luz de referenciais teóricos e documentais enfocando a relação sexualidade e educação. Para os sujeitos investigados, a sexualidade deve ser discutida na escola consistindo de um processo que vai além da prática sexual; mesclando entre uma responsabilidade coletiva e específica no que se refere ao corpo docente e devendo ser iniciada desde as séries iniciais. No entanto, contradições foram evidenciadas ao elencarem as temáticas de abordagem pedagógica, permanecendo vinculados/as à preocupação com a gravidez na adolescência e a prevenção às DST que, quando discutidas na escola, destinam-se somente aos/às alunos/as da segunda fase do Ensino Fundamental.

Publicado
2019-01-03
Como Citar
FRANCO, Neil; SANTOS, Welson Barbosa; MAIO, Eliane Rose. DOCENTES DA EDUCAÇÃO BÁSICA E A COMPREENSÃO DA SEXUALIDADE COMO CONTEÚDO CURRICULAR. Revista Ensino de Ciências e Humanidades - RECH, [S.l.], v. 3, n. 2, Jul-Dez, p. 27-53, jan. 2019. ISSN 2594-8806. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/rech/article/view/5114>. Acesso em: 18 jun. 2019.
Seção
Artigos

Artigos mais lidos do mesmo autor

Obs.: Este plugin requer ao menos um plugin ou relatório de estatísticas para funcionar. Se seus plugins de estatísticas trabalham com mais de uma métrica, por favor selecione uma métrica principal na página de configuração disponível no painel do Administrador e/ou do Gerente do portal.