CRÍTICA E HISTORICIDADE ACERCA DO PÓS-LIBERTAÇÃO COLONIAL NO ROMANCE TERRA SONÂMBULA DE MIA COUTO (MOÇAMBIQUE, 1975-1992)

  • Marcos Vinicius Ribeiro Alvarenga Universidade Federal do Amazonas - UFAM

Resumo

Resumo: Este artigo tem como objetivo realizar uma reflexão acerca dos processos históricos referentes ao período de pós-libertação de Moçambique frente a Portugal (ocorrida em 1975), período, que compreende de 1976 até 1992 marcado por uma sangrenta guerra civil entre a Frente de Libertação de Moçambique - FRELIMO e a Resistência Nacional Moçambicana – RENAMO. Nessa proposta, analisaremos os elementos de crítica presente no romance “Terra Sonâmbula”, de Mia Couto, publicado em 1992, explorando assim o potencial de historicidade que esta obra é capaz de produzir acerca do período mencionado sem, contudo, deixar de levar em consideração o lugar do qual fala o autor e as implicações disso em sua escrita.

Publicado
2018-10-03
Como Citar
ALVARENGA, Marcos Vinicius Ribeiro. CRÍTICA E HISTORICIDADE ACERCA DO PÓS-LIBERTAÇÃO COLONIAL NO ROMANCE TERRA SONÂMBULA DE MIA COUTO (MOÇAMBIQUE, 1975-1992). Manduarisawa - Revista Eletrônica Discente do Curso de História da UFAM, [S.l.], v. 2, n. 2, p. 141-155, out. 2018. ISSN 2527-2640. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/manduarisawa/article/view/4402>. Acesso em: 19 out. 2018.