O CÓDIGO DE ÉTICA DO BIBLIOTECÁRIO NO CONTEXTO DO SERVIÇO DE REFERÊNCIA VIRTUAL

  • Andreia Petró da Rosa UFRGS
  • Daniara Zampiva Ferri UFRGS
  • Vítor Vasata Macchi Silva UFRGS
  • Jackson da Silva Medeiros UFRGS

Resumo

O objetivo deste trabalho é identificar os artigos do código de ética do bibliotecário que podem ser adaptados para atender às relações que se estabelecem durante a realização das atividades de serviço de referência virtual. Os resultados indicam que o serviço de referência virtual é afetado pelas fragilidades das relações humanas, pelas possibilidades de acesso de usuários e bibliotecários a recursos tecnológicos e também por aspectos sociais e culturais dos atores envolvidos nesse serviço. As conclusões indicam que cabe às bibliotecas compreender a realidade da comunidade a que atendem e, também, buscar o encurtamento das distâncias existentes entre profissionais e usuários. O trabalho destaca a necessidade da revisão de artigos do código de ética proposto pelo Conselho Federal de Biblioteconomia para que tal código seja visto como um instrumento atualizado quanto às diferentes relações que se estabelecem no dia a dia dos bibliotecários.
Como Citar
DA ROSA, Andreia Petró et al. O CÓDIGO DE ÉTICA DO BIBLIOTECÁRIO NO CONTEXTO DO SERVIÇO DE REFERÊNCIA VIRTUAL. Anais do SNBU, [S.l.], 2016. ISSN 2359-6058. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/anaissnbu/article/view/3241>. Acesso em: 21 ago. 2018.

Palavras-chave

Serviço de referência virtual. Código de ética. Relações humanas. Bibliotecários.