MOTIVAÇÃO NO TRABALHO: UM ESTUDO SOBRE A MOTIVAÇÃO DOS BIBLIOTECÁRIOS LÍDERES DO SISTEMA INTEGRADO DE BIBLIOTECAS (SIBI) DO INSTITUTO FEDERAL GOIANO.

Bethânia Oliveira Silva, Hevellin Estrela, Johnathan Pereira Alves Diniz, Joseane Pereira Alves Diniz, Leonardo Henrique Silva, Anderson Sousa da Silva

Resumo


O presente trabalho objetivou avaliar os níveis de motivação dos bibliotecários líderes das bibliotecas do Sistema Integrado de Bibliotecas - SIBI do Instituto Federal Goiano – IF Goiano e captar quais são os fatores de desmotivação que os afetam. O método utilizado para conhecer o nível motivacional dos bibliotecários líderes, foi o estudo de caso, a pesquisa exploratória e descritiva, além da aplicação de um questionário, baseado no motivograma, desenvolvido por Maslow. O SIBI conta atualmente com 50 servidores, porém o universo da pesquisa limitou-se aos bibliotecários em cargo de liderança, totalizando nove profissionais. Na análise dos resultados foi constatado que a maioria dos servidores são jovens. Que entre os servidores entrevistados, 4 estão no exercício de liderança de equipes de 3 a 5 anos. Todos lideram no máximo 10 pessoas. Os 5 pontos que mais desmotivam os servidores foram, em ordem decrescente: horário de trabalho; comunicação com a chefia, cobrança diferenciada entre os pares; pressão por resultados, comunicação dos pares, infraestrutura da empresa e relacionamento com as áreas de apoio. Pela bibliografia consultada, nota-se que motivação é algo pessoal, porém as instituições podem proporcionar situações que estimulem a motivação, e com as respostas do questionário, percebe-se que os profissionais estão carentes desses estímulos. Faz-se necessário um desenvolvimento nas relações interpessoais para que eles sintam-se mais interessados no ambiente de trabalho. Os demais fatores analisados, segundo a Pirâmide de Maslow, estão bem próximos e não afetam tanto a motivação da equipe de líderes do SIBI.

Palavras-chave


1. Motivação. 2. Bibliotecários líderes. 3. IF Goiano. 4. Relações interpessoais. 5. Estudo de caso.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2359-6058