Um novo horizonte para a educação

  • Ivo Tonet Universidade Federal de Alagoas – UFAL

Resumo

É inegável que a humanidade está vivenciando uma crise de extrema gravidade. Crise que tem sua
razão mais profunda na própria dinâmica de reprodução do capital e que põe a humanidade diante
do dilema: ou superação do capitalismo e construção de uma sociedade efetivamente livre,
comunista, ou intensificação cada vez mais crescente da barbárie. Nesse sentido, é um absurdo
colocar como objetivo o aperfeiçoamento dessa ordem social. Infelizmente, a maioria das teorias,
inclusive no campo da educação, ao defender como objetivo maior a ampliação da cidadania e da
democracia, está levando água, independente da intenção, à busca da humanização dessa ordem
social. Nossa intenção nesse texto é demonstrar que a emancipação humana, só possível em uma
sociedade comunista, deve ser posta como objetivo de todos aqueles que, no processo educativo,
defendem uma forma de sociabilidade na qual todos os indivíduos possam ser efetivamente livres
e, com isso, realizar de forma ampla as suas potencialidades.



Palavras-chave: Educação; Barbárie; Emancipação Humana.

##submission.authorBiography##

##submission.authorWithAffiliation##

Doutor em Educação pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2001). Possui graduação em Letras pela Universidade Federal do Paraná (1975), mestrado em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais (1982). Atualmente é professor de filosofia da Universidade Federal de Alagoas. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Filosofia política, atuando principalmente nos seguintes temas: socialismo, marxismo, política e educação. Aposentado a partir de 09/04/2013

Publicado
2019-01-13
Como Citar
TONET, Ivo. Um novo horizonte para a educação. Revista Amazônida: Revista do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Amazonas, [S.l.], v. 3, n. 2, p. 03-26, jan. 2019. ISSN 2527-0141. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/amazonida/article/view/4771>. Acesso em: 16 fev. 2019. doi: https://doi.org/10.29280/rappge.v3i2.4771.