PERCEPÇÃO DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE SOBRE ADESÃO E NÃO ADESÃO AO TRATAMENTO ANTIRETROVIRAL COM PACIENTES PORTADORES DE HIV/AIDS

  • Eduardo Jorge Sant’Ana Honorato Universidade do Estado do Amazonas - UEA
  • Sônia Maria Lemos Universidade do Estado do Amazonas - UEA
  • Darlisom Sousa Ferreira Universidade do Estado do Amazonas - UEA
  • Tirza Almeida da Silva Universidade do Estado do Amazonas - UEA
  • Maycom Grimm Reis Universidade do Estado do Amazonas - UEA
  • Alison Thiago Rolim da Silva Universidade do Estado do Amazonas - UEA

Resumo

Para identificar a percepção dos profissionais de saúde sobre adesão e não adesão ao tratamento antirretroviral com pacientes portadores de HIV/aids, Este trabalho teve como objetivos específicos Identificar possíveis necessidades de intervenção com os profissionais para que as respostas deles melhorem a adesão do paciente ao tratamento e Propor melhorias para melhor solução. Tratou-se de uma Pesquisa descritiva-exploratória, tendo como instrumento uma entrevista semiestruturadas . A amostragem se deu por meio da saturação de conteúdo, e os dados trabalhados pela Analise de Conteúdo de Bardin. Todos os profissionais entrevistados recebem treinamentos para atender as pessoas que vivem com HIV/Aids. Entendendo que a adesão ao tratamento antirretroviral é um dos maiores desafios na atenção às pessoas vivendo com HIV/Aids - PVHA, que tem seus fatores intrínsecos e extrínsecos, não se pode deixar de oferecer uma abordagem multidisciplinar, propõe-se ainda a ampliação da rede de atenção psicossocial no atendimento a PVHA para que tenha um atendimento completo e integral dessas pessoas, tendo como finalidade determinante a melhoria da qualidade de vida. Pode-se concluir que a percepção dos profissionais de saúde sobre adesão e não adesão é multifatorial, mas se mantém em constância independente de área de atuação, tempo de atuação na área e treinamento para desenvolver as atividades voltadas para pacientes que vivem com HIV/Aids, e que o processo de adesão/não-adesão tem fatores extrínsecos e intrínsecos.

Publicado
2018-08-10
Como Citar
SANT’ANA HONORATO, Eduardo Jorge et al. PERCEPÇÃO DE PROFISSIONAIS DE SAÚDE SOBRE ADESÃO E NÃO ADESÃO AO TRATAMENTO ANTIRETROVIRAL COM PACIENTES PORTADORES DE HIV/AIDS. Amazônica - Revista de Psicopedagogia, Psicologia escolar e Educação, [S.l.], v. 21, n. 1, Jan-Jun, p. 116-128, ago. 2018. ISSN 2318-8774. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/amazonica/article/view/4711>. Acesso em: 17 dez. 2018.
Seção
Artigos