Incubação artificial de ovos de galinha (Gallus gallus domesticus) da linhagem Paraíso Pedrês no município de Tabatinga, Estado do Amazonas

  • Izaque Epifânio Marques Universidade Nilton Lins
  • Zenia Marcia Rodríguez Chacón Universidade Nilton Lins
  • Walter de Jesus García Parra Universidade Nilton Lins
  • Vanessa Maria Machado Ale Universidade Nilton Lins

Resumo

O objetivo deste trabalho foi avaliar, por meio de   análises de dados disponibilizados pelo Instituto de   Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas – IDAM, os índices de ovos férteis, ovos inférteis, mortalidade embrionária e eclosão na incubação artificial de ovos de galinha (Gallus gallus domesticus) da Linhagem Paraíso Pedrês em incubatório localizado no município de Tabatinga, Estado do Amazonas, no período de abril a setembro de 2016. Foram incubados 10.632 ovos em incubadora em estágio único com capacidade para 3.000 ovos. Foram observados resultados de 84,8% para ovos férteis, 15,2% de ovos inférteis, 23,9% de mortalidade embrionária e 61,7% de eclosão.  Portanto, verificou-se que os índicies encontrados são insatisfatórios, requerendo aprimoramento do processo de incubação.

Publicado
2017-11-28
Como Citar
MARQUES, Izaque Epifânio et al. Incubação artificial de ovos de galinha (Gallus gallus domesticus) da linhagem Paraíso Pedrês no município de Tabatinga, Estado do Amazonas. Revista Científica de Avicultura e Suinocultura, [S.l.], v. 3, n. 1, nov. 2017. ISSN 2447-8466. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/RECAS/article/view/3752>. Acesso em: 23 jan. 2018.
Seção
Avicultura - Reprodução

Palavras-chave

eclodibilidade, rendimentos de incubação, dupla aptidão.