GONGITSUNE

  • Ruchia Uchigasaki Universidade Federal do Amazonas (UFAM)
  • Allan Nywner Praia Mendonça Universidade Federal do Amazonas (UFAM)

Resumo

Antes de deixar este mundo ainda jovem aos 29 anos, Nankichi Niimi deixou mais de 1500 obras em formas de poesias, haikus, tankas, romances, contos de fadas, canções infantis, peças de teatro e outros39. "Gongitsune" é uma delas, escrita quando o autor tinha 18 anos, publicada na revista infantil "Pássaro Vermelho" em 1932. Em 1956, depois que este texto saiu no livro didático do japonês de escola primária, ele tem sido lido até hoje por muitas pessoas, tornando a obra–prima do autor. O texto base de “Gongitsune” lido por muitos japoneses é aquele que foi publicado na revista infantil "Pássaro Vermelho"e na qual houve muitas correções feitas pelo primeiroeditor e escritor Miekichi Suzuki. Desta vez a tradução de “Gongitsune” para o português foi realizada da versão moderna do manuscrito original de Nankichi Niimi "Gongitsune" (Iwashita, 2013). A tradução em português de "Gongitsune" ocorreu durante 2014 e 2015na Universidade Federal do Amazonas (UFAM) numa pesquisa do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC) sobre o título "A história de uma raposa: literatura japonesa e seus preceitos sociais e culturais".

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##
Professora Assistente do Curso de Letras e Literatura Japonesa na Universidade Federal do Amazonas, orientadora do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Cientifica (PIBIC) “A história de uma raposa: literatura japonesa e seus preceitos sociais e culturais” durante 2014-2015.
##submission.authorWithAffiliation##
Graduando do Curso de Letras e literatura japonesa na Universidade Federal do Amazonas e pesquisador PIBIC “A história de uma raposa: literatura japonesa e seus preceitos sociais e culturais” durante 2014-2015.

Referências

HIDA, Yoshifumi. Gendai Nippo Jiten. Tóquio: Shogakukan, 2010.

IKEGAMI, Mineo, (org.). Dicionário do Português Contemporâneo. Tóquio: Hakusuisha, 2005.

IWASHITA, Osamu. Nankichi Originaruban Gongitsune, 2013.
NANKICHI, Niimi. Gon, the Little Fox, Tóquio: Kodansha English Library, 2007.

NANKICHI, Niimi: Niimi Nankichi Douwashuu; Tóquio: Iwanami, 1996.
Niimi Nankichi Kinenkan. Disponível em:
Acesso em: 04 maio 2016.

SAKANE, S., HINATA, N. Dicionário Português–Japonês Romanizado. Tóquio: Kashiwa Shobo, 1986.
Publicado
2017-02-07
Como Citar
UCHIGASAKI, Ruchia; MENDONÇA, Allan Nywner Praia. GONGITSUNE. HON NO MUSHI - ESTUDOS MULTIDISCIPLINARES JAPONESES - ISSN 2526-3846, [S.l.], v. 1, n. 1, p. 130-138, fev. 2017. ISSN 2526-3846. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/HonNoMushi/article/view/3388>. Acesso em: 17 dez. 2017.

Palavras-chave

Gongitsune, Niimi Nankichi, literatura japonesa, tradução para português