UM OLHAR PARA A QUESTÃO DA RESISTÊNCIA EM LUUANDA, DE LUANDINO VIEIRA

  • Priscila Vasques Castro Dantas Universidade Federal do Amazonas / Programa de Pós-Graduação em Letras

Resumo

Este artigo pretende lançar um olhar para o modo como Luandino Vieira constrói a narrativa de Luuanda a partir de uma perspectiva de resistência, de diversos modos. O cotidiano dos habitantes dos musseques luandenses, de uma realidade tão dura e crescentemente desesperançada e cruel, é retratado na ficção Luuanda de um modo bastante peculiar, especialmente se considerado o contexto em que a obra foi escrita: o período da ditadura salazarista. Para tratar dessa questão, chamo ao texto as vozes de Michel Foucault (1986; 2000), Homi Bhabha (1998) e Gayatri Spivak (2010). Destaco ainda algumas falas de Tânia Macêdo (2016), Maria de Nazareth Fonseca (2015) e Andréa Ferreira e Generosa Souto (2013).


 


 


 


 

Publicado
2018-06-01
Como Citar
VASQUES CASTRO DANTAS, Priscila. UM OLHAR PARA A QUESTÃO DA RESISTÊNCIA EM LUUANDA, DE LUANDINO VIEIRA. Revista Decifrar, [S.l.], v. 6, n. 11, p. 29-39, jun. 2018. ISSN 2318-2229. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/Decifrar/article/view/4147>. Acesso em: 21 out. 2018. doi: https://doi.org/10.29281/rd.v6i11.4147.

Artigos mais lidos do mesmo autor

Obs.: Este plugin requer ao menos um plugin ou relatório de estatísticas para funcionar. Se seus plugins de estatísticas trabalham com mais de uma métrica, por favor selecione uma métrica principal na página de configuração disponível no painel do Administrador e/ou do Gerente do portal.