ODONTOLOGIA DESPORTIVA: A INFLUÊNCIA DA SAÚDE BUCAL NA PERFORMANCE DOS ATLETAS DA VILA OLÍMPICA DE MANAUS

  • Antônio Mario Galvão NEIDA-FEFF-UFAM
  • Ricardo De Bonis

Resumo

A Odontologia Desportiva (OD) é uma nova área de atuação ligada à Odontologia, com vistas a melhorar a performance esportiva e a saúde bucal dos atletas de alto rendimento, além de prevenir lesões e traumas orofaciais. O presente estudo teve como objetivo analisar de que modo a OD. Realizou-se uma avaliação clínica odontológica de 42 voluntários, atletas de competição, homens e mulheres sadios, da Vila Olímpica de Manaus. Assim, constatou-se que: 24 atletas apresentaram problemas com cárie, dado que significa que 57,2% podem ter uma deficiência de performance de cerca de 17%; 2 atletas possuíam raízes perdidas (problemas endodônticos), ou seja, 4,8% podem ter uma deficiência de performance de cerca de 17%; 20 atletas apresentaram problemas de gengiva, afirmando-se que 47,6% podem ter uma deficiência de performance de cerca de 10%. Ainda pôde-se encontrar 14 atletas com dois problemas (gengiva e cárie), verificando-se que eles estão doentes, com cerca de 18% de incapacidade física, fator que os impede de ter alta performance em competições. E entre os dados apresentados, houve também a incidência de outros 7 atletas com três problemas (cárie, gengiva e canal). Tais atletas estão 19% abaixo das suas próprias expectativas, concluindo-se, portanto, que os mesmos não estão aptos para competições de alto rendimento até que busquem os cuidados odontológicos necessários e passem pelo tratamento efetivo.


 

Publicado
2018-05-14
Como Citar
MARIO GALVÃO, Antônio; DE BONIS, Ricardo. ODONTOLOGIA DESPORTIVA: A INFLUÊNCIA DA SAÚDE BUCAL NA PERFORMANCE DOS ATLETAS DA VILA OLÍMPICA DE MANAUS. BIUS -Boletim Informativo Unimotrisaúde em Sociogerontologia, [S.l.], v. 9, n. 1, p. 79-91, maio 2018. ISSN 2176-9141. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/BIUS/article/view/4480>. Acesso em: 16 jul. 2018.