A IMPORTÂNCIA DA DIVERSIFICAÇÃO DOS CONTEÚDOS NA EDUCAÇÃO FÍSICA NO ENSINO FUNDAMENTAL DE 6º AO 9º ANO: UM ESTUDO DE CASO

  • Hennela Mara de Sousa Guimarães
  • Luciana de Sousa Santos

Resumo

O presente trabalho buscou aprofundar o estudo sobre a diversificação de conteúdos da disciplina de Educação Física no ensino fundamental de 6º ao 9º ano. Traçou-se como objetivo geral desse estudo ‘pesquisar sobre a ação docente em aulas de Educação Física, relacionada a de diversificação de conteúdos na Educação Básica no Ensino Fundamental de 6º ao 9º ano. Portanto, apresentou-se os seguintes objetivos específicos: Investigar quais conteúdos são trabalhados pelos professores de Educação Física no Ensino Fundamental de 6º ao 9º ano; Identificar se a diversificação de conteúdos está atrelada ao planejamento sistematizado. O estudo é qualitativo, respaldado na metodologia de estudo de caso, tendo como método de pesquisa a dialética, com a análise e interpretação dos dados fundamentada nas leis da dialética para categorização das respostas. Os resultados foram apresentados e discutidos em quatro categorias: ação reciproca; negação da negação; passagem da quantidade a qualidade; interpenetração dos contrários, essas demostraram haver à diversificação, pelo menos em uma parte da organização dos conteúdos e execução das aulas. Também foi encontrada a presença da esportivização do futebol/futsal na maioria das instituições escolares. Conquanto entende-se que nada está fixo e concreto, desta forma, compreendeu-se que muito ainda se precisa estudar e refletir para que a disciplina de Educação Física seja concebida e ministrada de forma adequada, continua-se afirmando a importância do desenvolvimento integral do aluno especialmente na educação básica, ressaltando a necessidade de garantir ao aluno um maior acervo de manifestações da cultura corporal.

Publicado
2017-09-25
Como Citar
DE SOUSA GUIMARÃES, Hennela Mara; DE SOUSA SANTOS, Luciana. A IMPORTÂNCIA DA DIVERSIFICAÇÃO DOS CONTEÚDOS NA EDUCAÇÃO FÍSICA NO ENSINO FUNDAMENTAL DE 6º AO 9º ANO: UM ESTUDO DE CASO. BIUS -Boletim Informativo Unimotrisaúde em Sociogerontologia, [S.l.], v. 8, n. 2, p. 15-37, set. 2017. ISSN 2176-9141. Disponível em: <http://periodicos.ufam.edu.br/BIUS/article/view/3779>. Acesso em: 18 jul. 2018.
Seção
Artigo Original